Connect with us

Sem categoria

Como entender o significado do número das estradas brasileiras

Algarismos que formam o nome das rodovias federais ajudam na localização dos viajantes. Com mais de 210 mil quilômetros de estradas pavimentadas e outros 1,3 milhão de não pavimentadas, de acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o Brasil tem diversas opções para os amantes das viagens sobre duas ou quatro rodas.

Publicado

em

Algarismos que formam o nome das rodovias federais ajudam na localização dos viajantes


Com mais de 210 mil quilômetros de estradas pavimentadas e outros 1,3 milhão de não pavimentadas, de acordo com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), o Brasil tem diversas opções para os amantes das viagens sobre duas ou quatro rodas. Muitos não sabem, mas para não se perder neste emaranhado de caminhos que atravessam todas as regiões do país, o nome da estrada representa uma informação valiosa sobre o posicionamento do viajante no território nacional.

As “BRs” são as vias federais. O nome delas sempre vem acompanhado de mais três algarismos. O primeiro indica o tipo da rodovia e os dois seguintes definem a posição, a partir da orientação da estrada em relação à capital federal, Brasília, e aos limites norte, sul, leste e oeste. Assim, um viajante que trafega pela BR-101 sabe, automaticamente, que está em uma rodovia longitudinal (que cruza o país de norte a sul) – indicado pelo primeiro algarismo, 1 – e que está no ponto mais ao leste de Brasília indicado pelos dois números seguintes, 01.

O raciocínio funciona assim: as estradas que começam com o algarismo 0, como por exemplo a BR 040, são as que ligam Brasília ao interior do país (rodovias radiais) desenhando um círculo ao redor da capital federal. A numeração dessas rodovias varia no sentido horário. Já as estradas que começam com o algarismo 1 são as longitudinais. Entre essas vias, as que terminam com números entre 01 e 49 estão, em ordem crescente do litoral para o interior, a leste de Brasília enquanto de 51 a 99 estão a oeste da capital federal.

Há ainda as rodovias que cruzam o país em linhas horizontais (transversais), cujo primeiro algarismo é 2, como por exemplo, BR-230, BR 262 e BR 290. A lógica para os demais números é semelhante ao das rodovias longitudinais. O número de uma estrada transversal é 00 e 49, se a rodovia estiver ao norte da Capital, e entre 50 e 99, se estiver ao sul, em função da distância da rodovia ao paralelo de Brasília.

Outro tipo de rodovias são as diagonais, que começam pelo algarismo 3, como por exemplo BR-304, BR-324 e BR-364. Elas podem ser de dois tipos: orientadas na direção Nordeste para Sudoeste ou no sentido Noroeste para Sudeste. No primeiro caso, os dois números finais da rodovia variam, segundo números pares, de 00, no extremo Nordeste do país, a 50, em Brasília e de e de 50 a 98, no extremo Sudoeste.

Já no caso das diagonais orientadas na direção geral NE-SO a numeração varia, segundo números ímpares, de 01, no extremo noroeste do país, a 51, em Brasília, e de 51 a 99, no extremo Sudeste. Por fim, as rodovias de ligação iniciam pelo algarismo 4. Estas rodovias apresentam-se em qualquer direção, geralmente ligando rodovias federais, ou pelo menos uma rodovia federal a cidades ou pontos importantes ou ainda a fronteiras internacionais.

Por: Gustavo Henrique Braga

Continue Lendo

Pesquisar

Generic selectors
Apenas correspondências exatas
Pesquisar nos títulos
Pesquisar nos conteúdos
Pesquisar nos posts
Pesquisar nas páginas

PARCEIROS

Newsletter

Cadastre-se para receber nossas novidades!

Facebook

Instagram

  • Hoje participo do @esquenta89 na @aradiorock ( 89FM). As 22h - vamos falar sobre motos x setembro amarelo!!! Uhuuuu!!! Com @marcelebecker @fitinhafita  @biasato @wendellcorreia @chrix_montgomery
  • Olá galera, passei pra dar um aviso rápido, na verdade....uma dica . Muita gente me pede indicação de seguradora. Assistam👆 
Façam cotação 100% online ( da pra fazer do celular mesmo) @suhaiseguradora
Link  http://suhai.link/0bvb ( link também na bio). #VemPraSuhai #publicidade #sóIndicoOQueAprovo
  • Agora ela ganhou um “S” de “sport” significa que a moto tem pegada mais esportiva.
Agora com rodas raiadas com 40 raios cruzantes e cubos fundidos por gravidade. Foi desenvolvido e homologado com o uso dos pneus sem câmara. @pirelli_br 
E mais, ganhou muito mais tecnologia que a versão anterior....Agora com Vehicle Hold Control (VHC) - vocês sabem o que é? E muitoooo mais..... o @livio_chacon contou todas as novidades pra gente . Assistam o vídeo!
  • Valeuuuu aceleradas - vídeo por mim @eliana.malizia 
Obrigada @erika_caveirao @axxisbymt @dodudagastronomia @usebandana @casadocapacete @redredbikers @coutinho181 @rust_hand.co @ktmbrasiloficial @triumphbr @yamahabrasil
  • Afinal, quais as vantagens do para-brisa? Pode não só aumentar o prazer de pilotar, mas como também melhorar o desempenho da moto. E mais, reduz o ruído e a trepidação que o vento faz sobre o capacete, desvia parte do vento frio e úmido e também o ar quente e seco, além de proteger contra insetos, pedriscos e coisitas arremessadas pelas rodas dos carros e caminhões, poluição, sujeira. Tem muitos que não gostam e não fazem questão ( na Heritage , a bolha e malas laterais são facilmente removíveis). 
Então, muita gente aí nem pensa em colocar porque em muitos modelos de moto realmente não combinam, interfere na estética.
...mas basta pegar estrada e aquela sensação gostosa de vento no rosto, se transforma em chuva de inseto e dor no pescoço né? 
Você já chegou tão cansado e dolorido de uma viagem e não entendeu o pq? Já parou para pensar que numa moto sem o para-brisa, o vento bate contra o seu peito e, para compensar, você precisa enrijecer todo o corpo, é uma luta contra o vento. Ao fazer isso por um tempo prolongado, os músculos dos braços, costas e pescoço estressam, levando a uma fadiga precoce. Então se não vai mesmo colocar o para-brisa, a dica é; alonga-se, muiiiiito, antes, nas paradas e depois. Ah e não se esqueça , amanhã é sabadão e tem dica de roteiro de viagem no site acelerada.com.br. Bjuuuuu
  • Quem aí é fotomaníaco como eu? Viagem sem foto pra mim é como viagem sem pequenos detalhes ( que faz toda diferença). Tem matéria com dica de viagem lá no site. Sousas e Joaquim Egídio, fui de Motorzão 114.  A modelo da vez, a Harley-Davidson Heritage... saiu bem na foto!!!!!
  • Dos modelos da Harley-Davidson, qual enche mais seus olhos? #publicidade #harleydavidson #harleydavidsondobrasil #acelerada #aceleradas #harleylifestyle #harleyaddicts #aceleradadeharley #mulheresmotociclistas #mulheresdeharley #harleystyle #mototurismo #mototerapia #dicadeviagem #viagem #turismo #turistando #viajaréviver #motoévida #apaixonadosporharley #apaixonadospormotos #onroad #harleysdesampa #harleysdeminas #harleysdesantos #harleysdosertao #harley #softailgram #softailheritage #harleydavidsonheritage
  • O que é mais prazeiroso pra você? O caminho, a estrada, ou o destino? Gosto da junção dos dois, curtir a estrada e chegar numa cidade bacana e conhecer a sua história, cultura, gastronomia... e vocês ? Estrada ou destino? #publicidade #harleydavidson #harleydavidsondobrasil #acelerada #aceleradas #harleylifestyle #harleyaddicts #aceleradadeharley #mulheresmotociclistas #mulheresdeharley #harleystyle #mototurismo #mototerapia #dicadeviagem #viagem #turismo #turistando #viajaréviver #motoévida #apaixonadosporharley #apaixonadospormotos #onroad #harleysdesampa #harleysdeminas #harleysdesantos #harleysdosertao #harley #softailgram #softailheritage #harleydavidsonheritage
  • Que tal um bate e volta de Moto amanhã!? Tem dica lá no site...
E vai um pedacinho da matéria... Visitei a Cidade em meados de Agosto ( sendo publicado agora em Setembro), neste dia os restaurantes estavam abertos, mas por conta da pandemia só podia comer na calçada…é sério!! Na calçada mesmo, sem cadeira, mesa..!! Pedi então minha marmitinha no restaurante Velho Valentin – quem me atendeu foi o Garçon chamado Agamenon ( chame por ele, o melhor). Achei um banquinho de madeira frente a casa ao lado, me arrumei ali mesmo para almoçar, e fiz amizade com um cão que me fez companhia e ganhou uns petiscos ( malandrinho). O bacana disso tudo? Minha preocupação era “caramba, e agora? Como farei pra dar a dica de restaurante, tirar fotos para os leitores da minha coluna no site”? Bom, aqui estou..é só contar a real história, são sempre as melhores, e assim foi. A gente tem que aprender a se adaptar com as surpresas, e foi diferente comer na calçada do vizinho, com gente entrando e saindo da casa o tempo todo, “foi uma experiência super elegante”, rs. Mas resumindo? a comida estava deliciosa e matei quem estava me matando. Espero que vocês não precisem almoçar na calçada, mas se quiserem se prevenirem liguem antes, ou levem um banquinho amarrado na moto ( hehe)! Depois me contem! Leia lá no site onde foi o rolê... pertin pertin de Sampa!#publicidade #harleydavidson #harleydavidsondobrasil #acelerada #aceleradas #harleylifestyle #harleyaddicts #aceleradadeharley #mulheresmotociclistas #mulheresdeharley #harleystyle #mototurismo #mototerapia #dicadeviagem #viagem #turismo #turistando #viajaréviver #motoévida #apaixonadosporharley #apaixonadospormotos #onroad #harleysdesampa #harleysdeminas #harleysdesantos #harleysdosertao #harley #softailgram #softailheritage #harleydavidsonheritage

Siga-me!

Mais Acessados

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com