Connect with us

Esporte e Ação

Itália sobre duas rodas

Emilia Romagna, no norte do país, pode ser explorada em um roteiro especial de cicloturismo; belas paisagens são protagonistas deste incrível passeio.
Sob qualquer ângulo, a região de Emilia Romagna, situada ao norte da Itália, encanta e surpreende com suas extensas áreas de muito verde e flores de diferentes cores e espécies. O destino abriga ainda monumentos, museus, castelos medievais e festivais históricos.

Publicado

em

Emilia Romagna, no norte do país, pode ser explorada em um roteiro especial de cicloturismo; belas paisagens são protagonistas deste incrível passeio.

Sob qualquer ângulo, a região de Emilia Romagna, situada ao norte da Itália, encanta e surpreende com suas extensas áreas de muito verde e flores de diferentes cores e espécies. O destino abriga ainda monumentos, museus, castelos medievais e festivais históricos.

Mas não é apenas de atrações e pontos turísticos que vive a “Terra com Alma”, como é chamada pelos locais. O cicloturismo de aventura é uma das modalidades esportivas mais procuradas por ciclistas de todo o mundo na região.

Vamos então pedalar? Confira dicas de roteiro para curtir o melhor do esporte no país:

Coriano Montescudo, Rimini (46,5 km)

 

Para os ciclistas menos experientes, este circuito é uma boa pedida. O trajeto começa atrás do centro comercial de Le Befane e vai até a via Coriano, que dá acesso a uma longa estrada livre de trânsito e semáforos. Durante o percurso, muita cautela, pois haverá um trecho íngreme, que poderá levar o atleta a atingir a velocidade de até 70 km/h. Ao final, já no pico de Montescuro, é possível ter uma vista panorâmica e privilegiada de Rimini.

Valmarecchia, Rimini (50 km)


Um dos trajetos mais clássicos da região, o circuito de Valmarecchia é ideal para quem procura contato com a natureza. O percurso passa pelo centro histórico de Rimini, com acesso ao Parque Marecchia, que permite pedaladas às margens de seu rio. Já no final do caminho, o ciclista deverá atravessar a Ponte Verucchio, e seguir em direção ao Santuário da Madonna di Saiano, objetivo do roteiro, onde é possível encontrar uma fonte de água doce para o ciclista se refrescar depois de uma longa jornada.

República de San Marino (65 km)


O passeio de Riccione até San Marino é, sem dúvida, um dos mais emocionantes. Ele é feito em uma antiga ferrovia – já desativada – e que atualmente serve de ponto de partida para quem começa a pedalar. Uma parada para conhecer San Marino, primeira República do mundo, é quase que obrigatória. Lá, existem três torres, que serviam de vigia na era medieval, e ficam a 700 metros de altitude. Ao chegar no topo de um deles, não deixe de conferir a vista privilegiada da região.

Montefiore Conca, Rimini (65 km)


Não há restrições para desfrutar deste passeio, mas é preciso ter forças nos pedais no sobe e desce das colinas. Assim é o circuito de Riccione até Montefiore Conca. O trajeto passa por Monte Altavelio, Tavoleto, até chegar no destino final, o castelo malatestiano de Montefiore Conca. A sensação de que valeu a pena o esforço torna-se ainda mais intensa quando a bela imagem histórica do castelo de Montefiore, construído em 1337, reflete aos olhos. A paisagem vista do local é deslumbrante.

Cippo de Carpegna, Rimini (115 km)


Este passeio é para os ciclistas mais experientes. O trajeto possui extensão de 115 km e chega a 1.344 metros acima do mar. O percurso começa próximo ao centro comercial de Le Befane, segue para via Coriano, até chegar ao primeiro cruzamento de Montelicciano. Lá, já é possível avistar a pitoresca cidade de Montecerignone. A poucas centenas de metros de distância, o desafiador Monte Cippo e seus 1000 metros de altitude sugere muita determinação e força nas pernas para a subida.

Rimini, cidade onde nasceu o cineasta italiano Federico Fellini, tem infraestrutura completa para receber ciclistas – desde oficinas, locais para aluguel e hotéis dedicados ao esporte até estacionamentos de bicicletas.

Para mais detalhes, acesse:

www.italybiketour.it
www.clubedecicloturismo.com.br

 

vgSpGAasEjUV7qL4Pe0DGbAdqFPWq8ZhYNrYxk6MMZw,oFq-dLAUF2dMcjqvbFmzw2PvEHVYN32ySWeO_Io1exE wyWsRJJtgqy9XR7KY-wV09pOVcXTb7V50e14xgG99j0,_YkeZthtJx40xgCHFDXEEUK9tp_6zh11bx8jid1LQWI rUo2GkNUmqlwCd3DTRADpUk47re1Lhh1_R5lOiVjAu0,KfoxXOZmSXCJx5xiWyDeSUowSP_G9e6u1KTUGElkpzo

Continue Lendo

Pesquisar

Generic selectors
Apenas correspondências exatas
Pesquisar nos títulos
Pesquisar nos conteúdos
Pesquisar nos posts
Pesquisar nas páginas

PARCEIROS

Newsletter

Cadastre-se para receber nossas novidades!

Facebook

Instagram

  • Dia lindo de sol.... e Itubaína bem gelada na mão pra curtir o Vans Park Series, principal campeonato do mundo da modalidade park, que será olímpica em Tóquio-2020. Evento sensacional! 
#ItubainaVansParkSeries  #ItubainaLovers #publicidade #VansParkSeries #Lifestyle #Skate
  • É na solidão do meu capacete que eu encontro tempo e inspiração para pensar sobre o que estou fazendo com a minha vida.
Quando acelero minha moto sinto a potência dela... e deixo pra trás minhas dúvidas, medos e preocupações, que acabam se dissipando com o vento.
É o ronco singular da moto que me impulsiona para conquistar a segurança em cada etapa do meu dia.
Foi sobre a motocicleta que percebi que onde concentro o meu foco é pra lá que eu vou. Seja na moto, seja na vida, é assim que funciona.
 Há dias em que planejo tudo; noutros, deixo que o inesperado me surpreenda
Mas nem por isso, abro mão de ser a única responsável pelas minhas escolhas. 
E foi pilotando que percebi como a moto me ensina a viver. 
E você? prefere ser piloto da sua história ou garupa dos acontecimentos?  Por Eliana Malizia @eliana.malizia ( Assista o vídeo no IGTV) ( Por que andamos de moto?). #desmowomen #ducati  #ducatista #ducatisupersports #ducatisupersport #ducatibrasil foto by @gustavoepifanio
  • Quem ainda não assistiu o video “ Por que andamos de moto”?.... corre lá no IGTV ( instagram TV)! 💪 #ducati #desmowomen #ducatista #ducatisupersports #ducatisupersport #ducatibrasil foto by @gustavoepifanio
  • POR QUE ANDAMOS DE MOTO? Assistam vídeo completo no IGTV. ( TV INSTAGRAM). #ducati #ducatista #ducatisupersports #ducatisupersport #ducatibrasil #desmowomen
  • Por aí... nas curvas da estrada com a  SUPERSPORT S, a esportiva urbana da Ducati -  Motor de cilindro duplo de 937 cm3 Testastretta 11°. São 113 cavalos a 9.000 rpm e torque linear com pico de 96,7 Nm a 6.500 rpm. #ducati #ducatista #ducatisupersports #ducatisupersport #ducatibrasil foto by @gustavoepifanio #desmowomen
  • No post anterior, fiz a pergunta... “ por que  andamos de moto?” Logo mais publicarei um vídeo sobre... aguardem!!! #ducati #ducatista #ducatisupersports #desmowomen #ducatisupersport #ducatibrasil foto by @gustavoepifanio
  • Por que andamos de moto? Eu ando de moto pra relaxar, me distrair, pensar só em coisas boas, pra aprender ter disciplina, ter foco, conhecer lugares diferentes, pra fazer parte da natureza... etc etc e você? #ducatisupersport #Ducati #ducatibrasil #ducatista #lifestyle #ducatistagram
  • Tem matéria sobre a Triumph Bobber Black no Site Acelerada.com.br @triumphbr BOBBER BLACK, capacete @axxisbymt , camiseta @kvraco , 📸 by @gustavoepifanio #BobberBlack #Triumph #TriumphBr #bonnevillebobber #bonnevillebobberblack #lifestyle #mulheresmotociclistas #testride #levis #moda #modafeminina #kvraco #kvra
  • Sobre fazer aniversário... ( 5 de Junho)  Fazer aniversário é reconhecer que amigos se importam com a sua existência!  É lembrar que só se nasce uma vez...e que por isso a oportunidade de viver é única...e de ser feliz também! Foto @gustavoepifanio

Siga-me!

Mais Acessados

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com