Connect with us

Lançamentos

A rainha das estradas chegou – Saiba tudo sobre a Honda GL 1800 Gold Wing 2019

Publicado

em

Completamente reprojetada, a nova Honda GL 1800 Gold Wing está mais compacta, leve e potente. Dotada da mais atualizada tecnologia disponível, reconfirma-se como a referência máxima em seu segmento

Desde seu lançamento em 1975, a Honda GL 1800 Gold Wing é objeto de desejo de quem almeja o máximo de uma motocicleta. Pensada para cruzar grandes distâncias com extremo conforto e segurança, o modelo atravessou as últimas quatro décadas no posto de máquina preferida dos mototuristas de todo o planeta.

Apresentada pela primeira vez no Brasil durante o Salão das Duas Rodas de 2017, o novo modelo tem pré-venda anunciada para o Brasil a partir de 22 de outubro por de R$ 136.550,00 na versão Gold Wing e R$ 156.550,00 na versão Tour. As primeiras unidades serão entregues a partir de fevereiro de 2019.

Nesta nova geração, a Gold Wing recebeu uma profunda remodelação que preservou o caráter que deu à motocicleta a posição de ícone sobre duas rodas. O objetivo da Honda ao reprojetar cada componente desta versão foi o de oferecer aos fãs do modelo a excelência em termos de tecnologia motociclística, mantendo, porém, intacta a incomparável personalidade do modelo.

Motor e transmissão: a magia do 6 cilindros com câmbio DCT

A nova Gold Wing está mais compacta e leve (- 48 kg) que a versão precedente. Seu motor preserva a clássica arquitetura boxer de 6 cilindros, agora com cabeçotes Unicam de quatro válvulas. Aperfeiçoado na gestão eletrônica, o motor pode ser ajustado de acordo com quatro diferentes riding modes – TOUR, SPORT, ECON e RAIN. Acelerador eletrônico, controle de tração, assistente de partida em subidas e sistema Start&Stop são outros aperfeiçoamentos introduzidos ao modelo na versão 2019.

Apesar de preservar a mesma arquitetura e praticamente a mesma capacidade cúbica (de 1.832 cc cresceu à 1.833 cc), o motor da Gold Wing ganhou mais potência (126 cv contra 118 cv) e torque (17,34 kgf.m ante 17,0 kgf.m) além de estar 6,2 kg mais leve e 33,5 mm mais curto que o motor da Gold Wing anterior.

Acoplado ao motor está a última geração do moderno câmbio de dupla embreagem DCT (Dual Clutch Transmission) com sete marchas. O piloto tem a opção de utilizá-lo no modo plenamente automático ou selecionar a marcha desejada através de comandos “+” e “–” situados no punho esquerdo do guidão. O câmbio DCT que equipa a nova Gold Wing oferece ainda a inédita modalidade ‘Walking Mode’, que movimenta a motocicleta em velocidade limitada (1,8 km/h à frente e 1,2 km/h em marcha a ré) para auxiliar o piloto nas manobras de estacionamento.

Chassi e ciclística: na vanguarda da tecnologia

No que diz respeito à parte ciclística – chassi e suspensões – a Honda fez da GL 1800 Gold Wing 2019, de acordo com as palavras de Yutaka Nakanishi, Large Project Leader, “uma das bandeiras tecnológicas da Honda.”

O inédito chassi duplo trave de alumínio fundido sob pressão é 2 kg mais leve que o anterior. A posição de pilotagem, assim como o posicionamento do motor na estrutura, foi avançada. Tal solução associada à introdução de uma inovadora suspensão dianteira por duplo braço oscilante resultou em um comportamento estável e fluido tanto em velocidades baixas, típicas dos percursos urbanos, como em rápidas rodovias e percursos com curvas.

Qualquer que seja a condição de uso, a Gold Wing excede as mais altas expectativas: os atuais parâmetros de comportamento ciclístico ideal para motos de seu segmento tiveram seu standard elevado de maneira significativa. Isso se deve não apenas à geometria do novo sistema, no qual se destaca a coluna de direção avançada, mas também ao atrito reduzido em cerca de 30% na suspensão por duplo braço oscilante em comparação ao sistema telescópico tradicional.

Na nova suspensão dianteira da Gold Wing, a função amortizante do sistema está separada do sistema de direção, o que resulta em 40% a mais de agilidade na ação do guidão.

A suspensão traseira é também inédita e se vale de uma balança de suspensão do tipo monobraço Pro-Arm conectada ao sistema Pro-Link, solução que favoreceu aspectos de manutenção e design, contribuindo para a ação mais progressiva da suspensão traseira, que assegura maior estabilidade e conforto.

Tanto a suspensão dianteira como a traseira dispõem de regulagem eletrônica automática, que obedece à impostação selecionada do Riding Mode. Também é possível intervir na regulagem da pré-carga da mola do amortecedor posterior através de um prático comando elétrico. São quatro as opções de ajuste consoantes à utilização: só piloto, piloto+bagagem, piloto+passageiro e piloto+passageiro+bagagem.

Quanto aos freios, na Gold Wing 2019 está presente o consagrado sistema D-CBS (Dual Combined Braking System) com ABS de última geração, que distribui a potência frenante nas duas rodas de acordo com o ajuste do RidingMode. O freio dianteiro tem cálipers de seis pistões que atuam em dois discos de 320 mm, na traseira o cáliper é de três pistões e o disco 316 mm. O pneu dianteiro é 130/70 R18, enquanto, atrás o pneu é um 200/55 R16.

Por último, mas nem por conta disso menos importante, há o fato de a Honda GL 1800 Gold Wing 2019 continuar sendo a única motocicleta da atual produção mundial dotada de Airbag de série.

Design e equipamentos: um evidente salto para a modernidade

Não há dúvida que basta um breve olhar para entender que a Gold Wing 2018 é uma motocicleta contemporânea, que abre mão das linhas imponentes da versão anterior em busca de elegância associada à eficiência aerodinâmica e uma – por que não? – pitada de esportividade.

“Formas sofisticadas, linhas tensas”. Esta foi a frase que guiou a equipe de projetistas da nova Gold Wing, cuja silhueta emana uma clara mensagem de equilíbrio entre capacidades dinâmicas superiores e a tradicional qualidade superior dos materiais empregados e o primoroso acabamento.

Dona de um estilo inconfundível onde se destacam a projeção da parte frontal, a harmoniosa linha de cintura e o elegante e acolhedor posto do piloto e acompanhante, o conceito aerodinâmico do novo modelo difere do anterior, no qual havia uma ampla área entre o piloto e o para-brisa, que criava uma grande “ilha” de ar calmo mesmo em velocidades elevadas.

Agora o piloto fica mais próximo do para-brisa, regulável tanto em altura como em inclinação, e um apurado estudo aerodinâmico permitiu melhorar não só o coeficiente aerodinâmico, visando melhor desempenho e eficiência, como dar a piloto e passageiro o conforto dinâmico digno de uma Gold Wing.

Os assentos continuam individuais para piloto e passageiro, a ergonomia é impecável e no “top box” e nas protetivas malas laterais há capacidade de transportar uma grande quantidade de bagagem – 110 litros.

Neste novo cockpit se destaca o painel com tela TFT colorida de 7 polegadas, que oferece o mais completo nível de informações sobre a motocicleta, sistema de áudio, navegação e do controle de tração HSTC(Honda Selectable Torque Control), regulagem de suspensão e Cruise Control.

A Gold Wing 2019 é compatível com o Apple CarPlay e a conectividade é facilitada pela porta USB e Bluetooth. Abaixo, a lista dos principais itens da rainha das Grã-Turismo, renovada para continuar a nº 1 da categoria.

  • Linhas aerodinâmicas, visual contemporâneo e alta tecnologia
  • Sistema de gestão e controle do aquecimento e dos fluxos de ar
  • Para-brisa regulável eletricamente variando inclinação e altura
  • Cruise Control de ação gradativa com sistema TBW (Throttle By Wire)
  • Ampla capacidade de carga e top box para dois capacetes integrais
  • Display TFT de 7″ com informações completas de áudio e navegação
  • Conectividade Apple CarPlay, Bluetooth e USB
  • Full-LED e indicadores de direção com desarme automático
  • Smart Key com comando para abertura de malas laterais e top box
  • Novo chassi dupla trave de alumínio
  • Suspensão dianteira por duplo braço oscilante
  • Suspensão traseira com nova balança monobraço Pro-Arm
  • Regulagem eletrônica das suspensões com base no Riding Mode
  • Pré-carga da mola/amortecedor traseiro regulável eletricamente
  • Freios combinados D-CBS (Dual Combined Braking System) com ABS
  • Novo motor boxer 6 cilindros de 1.833 cc, cabeçotes de 4 válvulas
  • Acelerador eletrônico TBW (Throttle By Wire) e 4 Riding Modes
  • Controle de tração HSTC
  • Start&Stop com sistema ISG (Integrated Starter Generator)
  • Sistema HSA (Hill Start Assist) para saídas em subida
  • Novo câmbio DCT (Dual Clutch Transmission) com 7 marchas
  • Função ‘Walking Mode’ para manobras de estacionamento
  • Integração total entre os 4 Riding Mode e o câmbio DCT

 

A Honda Gold Wing estará disponível nas cores cinza fosco para a versão GL 1800 Gold Wing e vermelha para a versão GL 1800 Gold Wing Tour. Esta última se difere oferecendo a transmissão DCT de 7 velocidades – ante a de 6 marchas convencionais na versão Gold Wing – airbag, suspensão traseira com ajustes eletrônicos pré-definidos em quatro posições (somente piloto, piloto e bagagem, piloto e passageiro, piloto, passageiro e garupa), altura do para-brisa e top box adicional. O preço público, base estado de São Paulo, sem despesas com frete e seguro, é de R$ 136.550,00 na versão Gold Wing e R$ 156.550,00 na versão Tour. Os modelos têm garantia de 3 anos, sem limite de quilometragem e Honda Assistence em 5 países da América do Sul.

Continue Lendo

Pesquisar

Generic selectors
Apenas correspondências exatas
Pesquisar nos títulos
Pesquisar nos conteúdos
Pesquisar nos posts
Pesquisar nas páginas

PARCEIROS

Newsletter

Cadastre-se para receber nossas novidades!

Facebook

Instagram

  • Em tempos de Pandemia, não podemos esquecer “também”, dos #MotoEntregadores !!! Deixe vofe também seu bilhetinho de agradecimento para um moto entregador! Eles merecem! Meu bilhetinho de hoje foi.... Olá 
Moto entregador , como vai?
Obrigada por trazer o remédio até a minha casa!
Obrigada por trabalhar dia e noite para nos atender mesmo em tempos de guerra contra coronavírus!
Lhe deixo um simples presente, um par de luvas, para sua segurança, afinal, nós também nos preocupamos com você! 
Tenha um
Bom dia! 
Um abraço de “longe”, Eliana Malizia #motoentregador #motofretista #motoboy #ObgMotoEntregador #corona #coronavirusbrazil #coronavírusbrasil #coronovirusbrazil #pandemia  #covid_19 #covid19
  • Vamos aproveitar a quarentena e estudar algumas técnicas OFF ROAD para curtir seu próximo role de moto com mais segurança e confiança?  Hoje vamos falar sobre a POSTURA CORRETA! 
Então vamos lá, e quem tiver mais dicas, escreva pra nós! - Os braços devem estar sempre semi-arqueados para controlar melhor a moto e absorver melhor o impacto. - Tronco posicionado à frente.
- Ponta dos pés na pedaleira e joelhos pressionando levemente o tanque, para aliviar a força dos braços. - Olhar sempre para frente. - Quando pilotar em pé, mantenha os joelhos semi-flexionados para melhor absorção do impacto. E nesta postura, o ideal é projetar o tronco ainda mais para frente.
Ah e no vídeo, sou eu, numa Trip, de Yamaha Crosser aprendendo muito com os FERAS  @jorge.negretti @wellingtongarcia21 e @ricardomartins274
  • Quantas vezes me perguntaram “Eliana, QUAL FOI SEU MAIOR DESAFIO EM CIMA DE UMA MOTO”? Sem duvida alguma , meu maior desafio nestes meus 20 anos de experiência,  foi a trilha para chegar no Cânion Espraiado em Urubici. 
Uma trilha de apenas 12km. Difícil , nível Hard!! A trilha me parecia mais um enduro e tão exaustiva que parecia não ter fim, parei , cai, levantei, chorei, pensei em desistir, levantei de novo. Neste meio tempo, aparece @jorge.negretti e @ricardomartins274 do meu lado falando bem alto, “ cara, tá muito escorregadio e com muita pedra pontuda , tá muito difícil de subir”. Bom, se os TOPS PROFISSAS estavam achando difícil , imagina eu? Logo em seguida um colega nosso desistiu da trilha ... poutz! Fiquei mais tensa! Eu, única  mulher ali, e pra mim não fazia diferença alguma , não teria problema algum em desistir , mostrar que fiquei exausta e ir para o carro de apoio. Não tenho este orgulho, mas....tentar até o final é da minha personalidade, não gosto de deixar nada pela metade. Porém, eu tinha um grande SEGREDO ali, guardado só comigo, e não podia contar e nem desabafar com ninguém. Eu estava grávida de uns 40 dias, e não havia contado pra ninguém do grupo. Eu fiquei sabendo um dia antes da viagem, e não podia deixar a yamaha na mão. Parti para a viagem animada, mas confesso que um pouco insegura, eu carregava meu bebezinho. 
Pra quem não sabe, as primeiras semanas de gestação a gente se sente mais cansada e com muito sono. Na verdade eu não me sentia grávida e muito menos mãe , mas eu sabia ali que eu estava sim grávida! 
Eu não sei da onde tirei tanta força pra aguentar a trilha toda! Havia chovido, tinha muita lama, e sei que muitos motociclistas que tentaram seguir/subir até o Cânion, caíram, desistiram, quebraram a moto... poucos conseguem subir! Mas fui até o fim...com o incentivo dos meninos, com a minha força de vontade , e claro, a  Xtz Crosser facilitou a vida, mesmo com pneus não apropriados para uma trilha HARD, a moto é leve ...e isso ajudou muito! Ah, e no próximo post contarei mais sobre o Cânion Espraiado. Que este post sirva como motivação para todos aqueles que não acreditam em si mesmo! 💪
  • Atravessar um RIO , cheio de pedras “extremamente” 
escorregadias, e de moto? Oi? Pensei que fosse pegadinha, mas quando soube que não era, confesso que ADOREI o desafio e clarooooo fiquei super empolgada!!! Sem duvidas uma das melhores  partes da viagem! A 40 km de Cambará do Sul, no Rio Grande do Sul, o Parque Estadual do Tainhas abriga o curioso ‘Passo do S’. Um lajeado natural do rio Tainhas, onde o nível da água é mais baixo e por isso é possível atravessar de carro ou moto. E lá fui eu, de Yamaha Crosser!!!!
A experiência é conhecida como ‘Travessia do Passo do S’ , ah e não posso esquecer de contar - em poucos metros , o Rio vira uma queda de 20 metros de altura, é mole? Não! Mas foi lindo lindo lindo! Amanhã conto sobre a parte da viagem que senti muito medo, tremi, chorei e pensei em desistir... 😉🤪#passodoS #cambaradosul
  • Quem aí já fez uma grande aventura com uma moto de baixa cilindrada? Está semana publicarei dicas para quem quer viajar com suas “motinhos”! Está minha Trip foi Punk é Maravilhosa - varias serras sinuosas, atravessamos rio ( Fotos e vídeos na próxima postagem), fizemos uma trilha HARD no Cânion Espraiado ...total de mais de 2000 km, tudo isso aí com segurança e sucesso, pilotando uma YAMAHA CROSSER 150cc! Quem encara? Foto @idario.cafe #tourdacrosser2019 #TourDaCrosser #TourInterativoCrosser #xtzcrosser #crosser150 #yamahacrosser #onroad #ofroad #foradeestrada #AceleradaParaSerFeliz #Acelerada #Lifestyle #MotoTerapia #mulheresmotociclistas #testride #serradocorvobranco #aceleradas #mulheresaceleradas
  • Vamos viajar sentados no sofá de casa? ASSISTAM a WEBSERIE Tour Interativo CROSSER no canal da @yamahabrasil no YOUTUBE! Foi uma das minhas MAIORES AVENTURAS!  #tourdacrosser2019 #TourDaCrosser #TourInterativoCrosser #xtzcrosser #crosser150 #yamahacrosser #onroad #ofroad #foradeestrada #AceleradaParaSerFeliz #Acelerada #Lifestyle #MotoTerapia #mulheresmotociclistas #testride #serradocorvobranco #aceleradas #mulheresaceleradas
  • Uma vez um “indivíduo” comentou em uma das minhas postagens, o seguinte ... “ você mostra que pilota moto grande, mas se derrubar a moto vai precisar pedir ajuda para um homem né? ”. Eu até agora não entendi o pq do questionamento e mais, qual seria o problema de ter que pedir ajuda para um homem? Aliás, quantos homens aí já precisou de uma força depois de derrubar a moto? Isso só me faz lembrar que já precisei de ajuda sim pra levantar uma moto e foi uma mulher  que me ajudou a levantar ! Só pra constar e lembrar!!! #RespeitaAsMinas #Aceleradas
  • Vídeo/Teaser acelerando a Gold Wing, matéria completa no site www.ACELERADA.com.br
  • A moto é pesada para pilotar? Você não tem medo de cair? Ela não é mais difícil de controlar? Aos medrosos de plantão, já logo aviso… “pilotar a Gold Wing Tour é muito mais fácil do que você imagina”…quer saber tudo? Visite o site www.acelerada.com.br #hondamotos #motoremaza #goldwing #hondagoldwingtour #hondagl1800goldwing #hondagl1800 #hondeiros #hondabrasil #honda #testride #mulheresmotociclistas #mulheresdehonda #testride #acelerada #lifestyle #aventura #adventure #mulheresdeatitudes #empoderadas #onroad #naestrada 
_

Siga-me!

Mais Acessados

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com